Strange Gifts – Selfishness

An Upturned Soul

Dear Me,

There’s a question which people sometimes ask:

If you could tell your younger self something, write and send them a letter, a message to the past from the future, what would you say to yourself?

This is often used as a writing prompt, or a method of self healing…

.

excerpt from: The Pen Company | Why and how to write a letter to your past self

.

I have to confess that I usually think that this is a stupid idea.

Sentimental, nostalgic nonsense.

But that’s not really what I think about it.

That’s a fearful reaction – What am I afraid of?

A defensive measure – What am I protecting myself from?

Old programming kicking in – Did I program myself to do this or did someone else program me to do this?

I have many superficial reasons which I give my

Ver o post original 5.870 mais palavras

Anúncios

Strange Gifts – Being a Misfit

An Upturned Soul

Hello and welcome to Misfit Club!

Before you can pass through the hallowed gates behind me…

Yes, they’re gates. Yes, I know they don’t look like gates. Yes, they’re made of driftwood and bent cutlery carefully tied together with bits of frayed string, old shoelaces. No, we didn’t have any rusty nails or threadless screws left over after we built the swing set… Yes, it’s half-painted. No, we didn’t feel the need to finish…

Were you expecting something more traditional?

Oh, yes, of course, I used the word ‘hallowed’ which made your conventional mind confused. You associate that word with Heaven and St Peter’s gate, and so you expected big chunky gold doors encrusted with pearls or something along those lines.

I understand that you’re an Atheist and don’t believe in that kind of thing. No, I don’t need a lecture on the belief system of Atheism, and to hear…

Ver o post original 1.988 mais palavras

As Regras do Baile

Nasci No Século Errado

Ocasiões mais que especiais, os bailes eram sempre muito esperados. No século XIX e início do século XX, vários bailes de todos os tipos foram realizados em salões públicos e casas particulares. Haviam, por exemplo, bailes de caridade destinados à captação de recursos, bailes organizados por sociedades e associações, e bailes à fantasia, que embora menos frequentes eram muito populares. Havia também os bailes de debutantes em que as jovens senhoritas eram apresentadas à sociedade.

As Regras

Bailes foram particularmente muito populares durante a Era Vitoriana (1837-1901). Era uma época em que a sociedade era governado por estritos preceitos morais, e legiões de guias foram publicados sobre como se comportar corretamente, como se vestir adequadamente e o que dizer em várias situações específicas. Manuais sobre etiqueta e dança também abundavam.

O manual britânico de 1866: The Ball-Room Guide, dá conselhos sobre a forma de elaborar a lista de convidados para um baile privado. É nos dito…

Ver o post original 620 mais palavras

A Linguagem dos Leques

Nasci No Século Errado

75aa9a2c97ce1aa95f503e8bea1f5eb5

Complexa, misteriosa e romântica, é como podemos definir a linguagem dos leques usada no século XIX por casais apaixonados. Antes de tudo, vamos á história do leque e como ele foi usado ao longo dos anos, o blog brasilcult listou algumas curiosidades:

  • O leque, objeto usado desde a mais remota antiguidade, pois aparece nas pinturas murais do Egito e da Assíria existe, pelo que se presume, há mais de 3 mil anos.  Várias são as lendas que correm sobre a sua invenção. Uma das histórias, de fundo mitológico, conta que o primeiro leque se originou da asa de Zéfiro arrancada por cupido para abanar sua amada Psiché.  Outra, também muito encantadora, conta que a filha de poderoso mandarim, assistindo à festa das Lanternas, sentiu-se mal com o intenso calor desprendido das milhares de velas acesas e, contrariando os hábitos da época, discretamente retirou a máscara que lhe escondia rosto…

Ver o post original 547 mais palavras